Novo reajuste da Aneel pode fazer tarifas chegarem em até 64%

Imagem: Freepik

Os aumentos não irão atingir os consumidores pois a bandeira tarifária está verde

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou novo reajuste das bandeiras tarifárias. Os aumentos irão de 3,2% a 63,7%, dependendo do tipo da bandeira. Esses aumentos são atrelados às contas de luz em momentos de escassez hídrica ou por fatores que aumentem o custo de produção de eletricidade. 

FIEC
fico
rpb-1

No momento, a população não precisa se preocupar pois, desde abril, a bandeira tarifária da conta de luz está verde, quando não ocorre cobrança adicional. De acordo com o comunicado da Aneel, os valores entrarão em vigor em 1º de julho e estão previstos para nova revisão em 2023.

Confira os novos valores das bandeiras tarifárias:

  • Bandeira verde: sem cobrança adicional;
  • Bandeira amarela: +59,5%, de R$ 1,874 para R$ 2,989 por megawatt-hora (MWh);
  • Bandeira vermelha patamar 1: +63,7%, de R$ 3,971 para R$ 6,500 por megawatt-hora (MWh);
  • Bandeira vermelha patamar 2: +3,2%, de R$ 9,492 para R$ 9,795 por megawatt-hora (MWh).

 

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui