Durante essa semana, dessa segunda-feira, 22, até o dia 29 de novembro, é previsto um crescimento maior do que 115% em comparação com o mesmo período no ano passado.

A Black Friday, que ocorre no dia 26 de novembro, é considerada uma das datas que mais movimenta o comércio digital do Brasil e do mundo. Este será o segundo ano consecutivo de ações promocionais após a grande transformação dos hábitos de consumo dos brasileiros, fenômeno impulsionado pelo isolamento social.

Para o e-commerce, não só a data, mas todo o mês de novembro é sinônimo de faturamento e boas vendas. A expectativa é que as pequenas e médias empresas do Ceará tenham um aumento superior a 210% no seu faturamento com o e-commerce só no dia da Black Friday, comparado com a mesma data em 2020.

FIEC
ci-1
rpb-1
rpb-1

Durante essa semana, dessa segunda-feira, 22, até o dia 29 de novembro, é previsto um crescimento maior do que 115% em comparação com o mesmo período no ano passado. Os dados são da Nuvemshop, plataforma de e-commerce líder na América Latina com mais de 90 mil lojas, sendo em sua maioria de pequenos e médios empreendedores.

Segundo a pesquisa, o mês de novembro de 2020 foi um dos meses que as pequenas e médias empresas mais registraram faturamento com a venda online. “Em 2020, tivemos a Black Friday mais digital da história, impulsionada pelo contexto de isolamento social. Neste ano, a expectativa é que o comércio eletrônico vivencie, novamente, um de seus melhores resultados, uma vez que muitos empreendedores digitalizaram seus negócios neste último ano e, inclusive, vários deles começaram o seu próprio negócio nesse período”, explica Guilherme Pedroso, country manager da Nuvemshop no Brasil.

Os segmentos que mais vendem nos e-commerces do Ceará ao longo do ano são Moda, Acessórios e Saúde & Beleza. No dia da Black Friday, esses segmentos de lojas virtuais devem representar, juntos, cerca de 85% das transações online de PMEs do estado.

A expectativa é que as pequenas e médias empresas de todo o Brasil faturem mais de R$100 milhões na semana da Black Friday (de 23 a 29 de novembro), o que corresponde a um aumento de cerca de 67% comparado com o mesmo período de 2020.

Para esses segmentos de lojas virtuais, na semana da Black Friday são esperados crescimentos de faturamento em 62% (Moda), 70% (Saúde & Beleza) e 32% (Acessórios) em comparação com a mesma semana em 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui