Como George Soros Quase Quebrou a Inglaterra e Ganhou Um Bilhão de Libras?

Como George Soros Quase Quebrou a Inglaterra
Foto: Tima Miroshnichenko/Pexels

Em 1992, em um período em que o Reino Unido estava se preparando para adotar o Euro como moeda, o investidor George Soros fez uma aposta ousada, que o tornou reconhecido mundialmente como “O homem que quebrou o Banco Central da Inglaterra”. Soros ganhou 1 Bilhão de Libras de lucro e o Banco da Inglaterra sofreu uma perda estimada de 3,3 Bilhões de Libras, nesse dia que ficou conhecido como “quarta feita negra”, e mudou os rumos da economia Britânica para sempre.

Mas como tudo isso aconteceu? Depois da 2ª Guerra Mundial, os países europeus começaram a buscar uma forte integração econômica como uma forma de prevenir futuras guerras e conflitos que poderiam novamente devastar o continente. Inicialmente 6 nações assinaram o Tratado de Roma e criaram a Comunidade Econômica Europeia visando liberalizar o comércio entre os países membros. Reino Unido, Dinamarca e Irlanda se juntaram ao acordo e um passo mais além foi iniciado: a preparação para adoção de uma moeda única, a fim de criar um mercado comum e impulsionar o comércio europeu.

FIEC
ci-1
rpb-1
rpb-1

Confira vídeo do Razão Econômica:

Fontes: Niall Ferguson, 2017, Harvard. Who Broke The Bank of England?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui