Construção civil cearense tem retração no número de empregos 

Com relação ao país, o número de empregos também registrou queda, atingindo a marca de 49,1 pontos.
Com relação ao país, o número de empregos também registrou queda, atingindo a marca de 49,1 pontos.

A Sondagem da Construção, publicação do Observatório da Indústria da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), revela uma retração no número de empregos na construção cearense. O número voltou a cair no mês de agosto, ficando na marca de 43,7 pontos e apresentando queda significativa de 7,4 pontos no indicador, na comparação com o mês anterior. Com relação ao país, o número de empregos também registrou queda, atingindo a marca de 49,1 pontos.
Além disso, também foi registrado redução nos indicadores de Evolução do Nível de Atividade, marcando 47,1 pontos, com variação negativa de 1,1 ponto em relação ao mês de julho. A nível nacional, apesar dos últimos dois meses demonstrarem crescimento, o indicador registrou queda e marcou 49,7 pontos.

O nível de Atividade (Efetivo/Usual) continua apresentando resultados abaixo do usual, tanto à nível estadual quanto nacional, marcando 36,8 e 44,3 pontos, respectivamente. Comparado ao mês anterior, o Ceará registrou queda de 1,1 ponto, enquanto o Brasil obteve leve crescimento de 0,1 ponto, demonstrando estabilidade.

FIEC
ci-1
rpb-1
rpb-1

Já a Utilização da Capacidade de Operação (UCO) no Ceará atingiu 73%, apresentando aumento de 4 pontos percentuais em comparação a julho de 2021. No Brasil, o indicador apresentou taxa de 66%, assinalando crescimento de 2 pontos percentuais. O resultado é 6 pontos percentuais acima do registrado no mesmo período do ano anterior.
No que diz respeito às Expectativas para os próximos seis meses, os resultados para o Ceará foram, de certa forma, otimistas. Isso foi demonstrado devido a maioria dos indicadores estar acima dos 50 pontos – apesar da desaceleração em comparação ao mês de julho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui