Banco do Nordeste prevê aplicação de R$ 26,6 bilhões em recursos do FNE em 2022

A previsão orçamentária, sujeita a revisão até o final do exercício, indica a aplicação de R$ 26,6 bilhões em recursos do Fundo na Região Nordeste, Norte de Minas Gerais e Norte do Espírito Santo, beneficiando um total de 1.990 municípios.
A previsão orçamentária, sujeita a revisão até o final do exercício, indica a aplicação de R$ 26,6 bilhões em recursos do Fundo na Região Nordeste, Norte de Minas Gerais e Norte do Espírito Santo, beneficiando um total de 1.990 municípios.

O Banco do Nordeste apresentou nesta quarta-feira, 29, a proposta da Programação FNE 2022, documento que norteia a aplicação anual dos recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) para o ano que vem. A previsão orçamentária, sujeita a revisão até o final do exercício, indica a aplicação de R$ 26,6 bilhões em recursos do Fundo na Região Nordeste, Norte de Minas Gerais e Norte do Espírito Santo, beneficiando um total de 1.990 municípios.

O montante projetado para 2022 prevê investimentos da ordem de 5,97 bilhões para o setor de comércio e serviços (22,5%); 3,87 bilhões para pecuária (14,6%); R$ 3,84 bilhões para agricultura (14,4%); R$ 2,66 bilhões para indústria (10%); R$ 551,1 milhões para turismo (2,1%); R$ 349,2 milhões para agroindústria (1,3%); e R$ 165 milhões para negócios com pessoa física (0,6%). Os recursos previstos para investimentos em infraestrutura somam R$ 9,17 bilhões (34,5%).

FIEC
ci-1
rpb-1
rpb-1

Um dos destaques da programação projetada para o ano que vem é a reserva de R$ 7,43 bilhões para investimentos em projetos de energia sustentável, que favoreçam o enfrentamento da atual crise hídrica e energética a partir do desenvolvimento do potencial da região Nordeste para geração de energia eólica e solar.

O orçamento previsto para o próximo ano traz um aporte de recursos 10,37% maior que os estabelecidos na programação do presente exercício, que trabalha com o montante de R$ 24,1 bilhões. Os valores projetados são passíveis de ajustes, a partir da apreciação e aprovação pelo Conselho Deliberativo da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste, com o propósito de atender necessidades determinadas por contextos econômicos e demandas dos setores produtivos.

A Programação FNE 2022 prevê investimento de R$ 1,68 bilhão para o setor produtivo potiguar, incluindo empreendimentos dos setores agropecuário, industrial, agroindustrial, turismo, comércio, serviços e de infraestrutura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui