Solar Coca-Cola lança projeto para ampliação do número de mulheres dentro da indústria de bebidas 

Para isso, além da disponibilização de oportunidades exclusivas para mulheres, a companhia também está desenvolvendo parcerias que irão viabilizar a qualificação dessas profissionais e investindo em ações que visam dar o suporte necessário para suas colaboradoras
Para isso, além da disponibilização de oportunidades exclusivas para mulheres, a companhia também está desenvolvendo parcerias que irão viabilizar a qualificação dessas profissionais e investindo em ações que visam dar o suporte necessário para suas colaboradoras

Com o objetivo de ampliar o número de mulheres dentro da indústria de bebidas, a Solar Coca-Cola, segunda maior fabricante do Sistema Coca-Cola no Brasil, está ofertando mais de 150 vagas exclusivas para mulheres nos estados de Alagoas, Bahia e Sergipe. 

A iniciativa faz parte do movimento #EuIncluo, criado pela companhia para fomentar ações que incentivem o aumento da presença e do protagonismo feminino em todas as áreas da empresa.

FIEC
ci-1
rpb-1
rpb-1

As oportunidades são voltadas para todos os níveis de conhecimento e englobam funções de coordenadora de Recursos Humanos, engenheira de Segurança do Trabalho, motorista de entrega, auxiliar de entrega, promotora de vendas, analista de marketing, manobrista, entre outras. 

A seleção ainda se estende para cargos que tradicionalmente possuem maioria masculina, tais como: auxiliar de expedição, motorista, operadora de empilhadeira, entre outros. Para mais informações sobre as vagas e pré-requisitos necessários para a candidatura, as interessadas podem acessar o portal oficial da empresa. 

A Solar Coca-Cola tem desenvolvido ações que visam estimular e ampliar a diversidade de gênero dentro do seu quadro de colaboradores. Para isso, além da disponibilização de oportunidades exclusivas para mulheres, a companhia também está desenvolvendo parcerias que irão viabilizar a qualificação dessas profissionais e investindo em ações que visam dar o suporte necessário para suas colaboradoras, tais como: o aumento da licença maternidade para 180 dias, a inclusão de salas de amamentação em unidades fabris, a criação dos programas de Acompanhamento de Gestantes, entre outras iniciativas.

Como resultado de tais ações, de dezembro de 2020 a julho de 2021, a Solar contou com um crescimento de 16% de mulheres que atuam no ambiente operacional nas unidades da companhia. Atualmente, mais de 20% das mulheres ocupam cargos de liderança na Solar. Na área corporativa, 58% dos colaboradores são mulheres. Também na área corporativa, 45% da liderança é feminina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui