Desenvolvimento profissional  – Quem não se comunicar bem, será a mulher do padre! – Por Fábio Vinícius

*Coluna Semanal – Por Fábio Vinícius – 21/07/21

Saudações pra ti!

FIEC
Ouvidor Online
ci-1
rpb-1

Tem coisa que é recorrente em se tratando de queixa das empresas quando o assunto é comunicação. Entra ano e sai ano e nas pautas das reuniões sempre tem o item comunicação sendo um quesito a ser melhorado. E como dizia o icônico Chacrinha: “Quem não se comunica se trumbica”! E é sobre esse tema que irei discorrer, aproveite e boa leitura!

O ato de se comunicar e interagir são muito importantes, porém é necessário entender que existe um processo mental que a maioria das pessoas desconhecem, pois quem fala e quem escuta projeta nesse ato toda sua vivência, seus porquês, seus medos e angustias, fazendo da interação algo um pouco mais complicado do que possas imaginar.

Quem fala deve se responsabilizar pelo que diz, mas não é de responsabilidade deste a compreensão e sim de quem escuta e interpreta. Logo, comunicar não é somente transmitir é uma via de mão dupla e quanto maior a clareza, melhor é a compreensão do que se quer dizer.

Ao dominar essa arte, as chances de conseguires aquilo que desejas dobram, pois conseguirás influenciar e consequentemente liderar, porque estabelecerás um canal de interação capaz de alcançar objetivos. 

Então como poderemos ter uma comunicação eficaz?

  1. Tu precisas ser um bom ouvinte: Quando se escuta, se acolhe, e com isso melhora a capacidade de entendimento da mensagem e consequentemente tu terás mais êxito nessa relação.
  2. Boa dicção: Quando se expressa de maneira clara, com boa pronúncia, o diálogo fica mais limpo e isso ajuda na compreensão.
  3. Mostrar interesse pelo o que o outro diz: Para isso você deverá lidar com a comunicação não verbal, onde suas expressões e posturas corporais darão sinal para outro de que estás atento ao diálogo.
  4. Faça Rapport: Mantenha o vínculo, relacionamento próximo e íntegro, honesto, capaz de fazer a outra pessoa confiar em ti.  

Para finalizar, deixo aqui uma frase que foi conferida a Buda: “As palavras têm o poder de curar ou destruir. Quando as palavras são verdadeiras e generosas, elas podem mudar o mundo”. No mais, pratique o exercício da boa convivência e portas abrirão em sua direção. 

Até a próxima quarta, compartilhe! 

Um beijo no teu coração, tchau!

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Economic News Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui