Infarto, arritmia, depressão e distúrbios de pele estão entre os sintomas da síndrome
Infarto, arritmia, depressão e distúrbios de pele estão entre os sintomas da síndrome.

Cerca de 1,4 milhão de brasileiros apresentam sequelas deixadas pela Covid-19, o que tem preocupado o sistema de saúde. Casos de infarto, arritmia, depressão, perda de memória, falta de ar, dificuldade de raciocínio, fadiga e dores intensas, diarreia crônica, perda de cabelo e distúrbios de pele fazem parte dos quadros identificados, podendo se prolongar por meses.

Para melhorar a qualidade de vida dos pacientes que apresentam sintomas da síndrome, o Centro Cardiológico São Camilo lançou um programa específico de reabilitação pós-Covid. Um em cada dez pacientes relata a síndrome pós-covid, caracterizada pela persistência de sintomas após 12 semanas, conforme estimativa da OMS (Organização Mundial da Saúde). E 25% das pessoas apresentam sintomas por até quatro semanas após testar positivo.

FIEC
fico
rpb-1

“O paciente que está em tratamento tem o desejo de testar negativo o mais breve possível, mas temos percebido que a cura total não chega com este resultado. É preciso seguir com um acompanhamento médico especializado e focado no quadro específico de cada um”, afirma Rafael Macêdo, coordenador do Centro Cardiológico .

O atendimento pode ser centrado em uma área da saúde, como psicologia, por exemplo; ou multidisciplinar, incluindo ainda a participação de nutricionistas, médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos ou profissionais de educação física. O acompanhamento pode ser presencial ou tele monitorados.

Fonte: assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui