Havan é a oitava empresa a desistir de protocolar IPO neste mês

Havan é a oitava empresa a desistir de protocolar IPO neste mês

A rede varejista Havan desistiu de sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), nesta terça-feira (27). A desistência foi divulgada em comunicado expedido pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A companhia havia protocolado o pedido em 27 de agosto de 2020.

A varejista pretendia levantar até R$ 10 bilhões em sua estreia na B3. Em 30 de junho de 2020, o capital social da Havan era de R$ 300 milhões.

Só em outubro, oito empresas nacionais já desistiram dos planos de listagem na B3 e outras 52 companhias estão na fila do IPO.

Desistência

A mudança é um revés para o empresário Luciano Hang. Com a oferta, o empresário planejava vender uma fatia da sua rede para aplicar o recurso na expansão das lojas, capital de giro e em um centro de distribuição.

Motivo

Segundo fontes do mercado, o motivo para abortar o plano seria que investidores não iriam avaliar o negócio em cerca de 100 bilhões de reais, número esperado por Hang.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui