Garoto investe R$ 200 milhões e aposta em indústria 4.0: Findes apoia agenda de inovação

Garoto investe R$ 200 milhões e aposta em indústria 4.0: Findes apoia agenda de inovação
Foto: Divulgação

A Chocolates Garoto anunciou na quinta-feira último terça-feira (8) o plano de investimentos de cerca de R$ 200 milhões em suas operações para 2020 e 2021. O anúncio foi feito em evento virtual, com a participação da presidente da Federação das Indústrias do Espírito Santo (FINDES), Cris Samorini, o governador Renato Casagrande; os secretários de Governo, Tyago Hoffmann, e de Desenvolvimento, Marcos Kneip, entre outras lideranças empresariais.

Os investimentos anunciados pela Garoto serão direcionados para frentes que vão desde o lançamento de novos itens de portfólio, todos feitos com cacau 100% brasileiro, até a modernização e ampliação da unidade da companhia em Vila Velha, com foco na indústria 4.0. Sobre o cacau, o melhor do país, segundo dirigentes da Garoto, é produzido em Linhares.

A planta de Vila Velha vai receber um novo prédio para abrigar duas novas linhas de produção. Uma delas será dedicada à fabricação da famosa Caixa Amarela de bombons da marca e outra linha para produção de itens para acondicionar os chocolates em embalagens para varejo. Com o início dessas operações, previsto para o primeiro semestre de 2021, serão gerados 70 novos postos de trabalho. A Garoto atualmente tem 1.377 colaboradores.

Os investimentos também estão destinados para a modernização da unidade de Vila Velha, com conceito de indústria 4.0, para torná-la ainda mais digital e conectada.

“Hoje temos orgulho de dizer que trouxemos para a Garoto o que existe de melhor e mais moderno em tecnologia no mundo para produzir chocolates. Para as novas linhas que vamos inaugurar em 2021, por exemplo, vamos trazer tecnologias inéditas para fábricas de chocolate na América Latina, com uso de internet das coisas (iOT) e “Big Data” para monitoramento e manutenção das operações. Foi um projeto totalmente concebido com esse conceito de transformação digital desde o princípio. E vamos usar isso para gerar desenvolvimento para o Espírito Santo e para o Brasil ”, disse o vice-presidente de Chocolates da Nestlé e Garoto, Liberato Milo.

A presidente da FINDES, Cris Samorini, destacou que a inovação é uma agenda central para a Federação. “A Garoto é uma empresa de 91 anos, é uma das 10 maiores do mundo e está apostando no futuro. Ouvimos aqui exatamente o que buscamos no Sistema Findes: a preocupação com a saúde e a segurança do trabalhador, capacitação profissional em parceria com o Senai, o entendimento de que a formação técnica é um grande diferencial para agregar na competitividade, e esse investimento em indústria 4.0, em IOT, big data, inteligência artificial. Essa é a nossa agenda”, destacou Cris Samorini.

O governador Renato Casagrande destacou o ambiente de negócios favorável no Estado: “Entendemos esses investimentos como um reconhecimento da história da Garoto com o Espírito Santo. Nós mantemos uma relação republicana com os investidores e, além dessa agenda da inovação, fico satisfeito também de ouvir que vocês manterão as operações pelos portos capixabas”.

O novo prédio da unidade em Vila Velha também foi construído seguindo vários critérios de sustentabilidade, com certificação Green Building House. Nessa frente, a Garoto também anunciou que 100% do resíduo gerado pela fábrica é reutilizado. Em 2021, a marca também vai reduzir 69 toneladas de materiais de embalagens que são recicláveis, mas não têm cadeia de reciclagem no Brasil atualmente. Até 2024, esse montante deve chegar a 500 toneladas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui