REMESSAS DE CELULARES DA CHINA RECUA 6,2% EM 2019

Foram remetidos 389 milhões unidades em 2019, segundo um relatório da Academia Chinesa de Tecnologia da Informação e Comunicações (CAICT, em inglês).

Somente em dezembro, as remessas de celulares atingiram 30,44 milhões de unidades, queda de 14,7% em relação ao mesmo período de 2018, de acordo com os dados do CAICT, um instituto de pesquisa subordinado ao Ministério da Indústria e Informatização.

Ao longo de 2019, os telefones 4G representaram a maior fatia das remessas totais, com 359 milhões de unidades produzidas, enquanto as remessas de telefones 5G ficaram em 13,77 milhões de unidades, informou o CAICT.

Por outro lado, as remessas de smartphones diminuíram 4,7% em termos anuais, para 372 milhões de unidades, respondendo por 95,6% das remessas brutas em 2019.

Tecnologia Chinesa

As marcas chinesas dominaram as remessas de celulares em 2019, com os aparelhos fabricados no país atingindo 352 milhões de unidades e respondendo por 90,7% das remessas totais do ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui