Na Black Friday 2019 não foram apenas os varejistas que faturaram com a alta no movimento. As instituições financeiras também. Somente pelo Itaú passaram 45 bilhões de reais, marcando um recorde de movimentação financeira em um único dia. Esse volume se refere a transações com cartões, TEDs, DOCs, boleto e processamento da credenciadora Rede.

A Rede registrou aumento de 25% no faturamento relativo a vendas realizadas no varejo físico, na comparação com 2018.

Ecommerce

Já no varejo digital, a Rede registrou um crescimento de 97%, o que mostra a força do e-commerce nesta data.

O número de pagamentos via Apple Pay, Google Pay e Samsung Pay saltar de 44 mil transações na Black Friday de 2018 para 270 mil este ano.

O Itaú registou mais de 5,3 milhões de transações via boleto somente na sexta-feira.

Horário de pico

O maior volume de compras ocorreu entre 12h e 13h. A Rede estima que, nesse período, cerca de 15 milhões de pessoas compraram algum produto no varejo usando meios eletrônicos de pagamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui