https://drive.google.com/uc?export=view&id=12hKyxucLjV7JGrIwD3Z-kpWwcyXyaWaZ
Os primeiros meses de Pierre Berenstein como CEO da Bloomin’ Brands, dona dos restaurantes Outback, Abbraccio e Fleeming’s foram na cozinha. Apaixonado por gastronomia, o executivo, que assumiu o cargo em 2017, diz que se garante no preparo das delícias do cardápio do Outback.
“Se quiser vamos para a cozinha agora”, disse a EXAME, durante um almoço na unidade do Outback do shopping Eldorado, uma das primeiras da cidade de São Paulo. Ao todo foram seis meses de treinamento completo antes de assumir a cadeira de CEO da multinacional no Brasil. “Fiquei cozinhando atendendo, aprendendo sobre os padrões. Passei por todas as funções, limpei banheiro, enrolei garfo”, diz.
No Brasil, a empresa tem 12 mil funcionários: 10,6 mil no Outback, 1.024 na rede Abbraccio e 189 pessoas no escritório. Cada novo restaurante Outback tem investimento de 7 milhões de reais e, desse montante, um milhão de reais são usados apenas em treinamentos dos funcionários.
Sistema RPBrasil de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui