Até quem ganha com a burocracia reclama do seu excesso. Na Câmara dos Deputados, em audiência na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços, um dos maiores empresários da área de softwares para contabilidade do País, com 70% do mercado de São Paulo na sua carteira, desabafa sobre prazos inexequíveis e inoperância da Receita Federal que está gerando fechamento de empresas do ramo e desemprego.
Sistema RPBrasil de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui